Construção do Parque Eólico do Cercal foi chumbada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Construção do Parque Eólico do Cercal foi chumbada

Mensagem  Mandrágora em Qui 28 Jun 2012 - 11:38




Parque eólico na serra de Montejunto foi chumbado pelo secretário de Estado do Ambiente!

Pedro Afonso Paulo, secretário de Estado do Ambiente, chumbou a construção do Parque Eólico do Cercal afirmando que o projecto "acarreta impactos muito negativos sobre o território" e que estes não são minimizaveis.

O projecto previa a contrução de 17 aerogeradores de 2050 kW e respectivos acesso e uma linha eléctrica de 60kW. Para sua execução estavam previstos 45 milhões de euros segundo a empresa Parque Eólico do Planalto, pertencente à Ventinveste (detida 49% pela Galp Energia).

Este projecto planeava ocupar 636 hectares da Paisagem Protegida da Serra de Montejunto, um local avaliado de Importância Comunitária pela Rede Natura 2000, no concelho do Cadaval.

Desde início que varias associações ambientais, como a Quercus e o Espeleo Clube Torres Vedras, se manifestaram contra a construção deste parque eólico, sendo que dois desses aerogeradores estavam previstos para uma zona junto a um abrigo de morcegos, um dos grupos de animais mais ameaçados de Portugal, como é o caso do morcego-de-ferradura-mediterrânico (criticamente em perigo1) e o morcego-de-peluche (vulnerável1). Este foi um dos impactos que o secretário de estado teve em consideração.

1 Segundo o Livro Vermelho dos Vertebrados de Portugal
avatar
Mandrágora

Mensagens : 327
Data de inscrição : 20/03/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum