Surto de quitridiomicose ameaça o sapo-parteiro-comum na Serra da Estrela

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Surto de quitridiomicose ameaça o sapo-parteiro-comum na Serra da Estrela

Mensagem  Mandrágora em Qua 12 Dez 2012 - 18:49




Surto de quitridiomicose ameaça o sapo-parteiro-comum na Serra da Estrela

O aparecimento da quitridiomicose é agora amplamente reconhecida como uma das principais causas de declínio dos anfíbios e perda de biodiversidade em escala local e global. O fungo patogénico, Batrachochytrium dendrobatidis, que se pensa ter tido origem em África e que se espalhou por todo o mundo já causou várias extinções, tendo o primeiro caso de infecção na Península Ibérica sido registado há cerca de 10 anos

Em agosto de 2009, centenas de sapos-parteiros-comuns (Alytes obstetricans) foram encontrados mortos nas águas e nas margens de uma lagoa do Parque Natural da Serra da Estrela Natural (PNSE) e as análises confirmaram a sua infecção com o fungo patogénico. Dada a probabilidade de um novo surto de quitridiomicose, a equipa liderada pelo biólogo Gonçalo M. Rosa, investigador do Durrell Institute of Conservation and Ecology (Universidade de Kent) e do Centro de Biologia Ambiental da (Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa), avaliou os possíveis impactos desta doença em populações de sapo-parteiro-comum do PNSE através da realização de pesquisas de campo em 2010 e 2011.

Foi comparada a actual distribuição e abundância de sapo-parteiro-comum com registros históricos, e quantificou-se a prevalência actual e intensidade da infecção pelo fungo. Os resultados mostraram uma redução de 67% da área de ocorrência da espécie. Os resultados também mostraram que a reprodução está limitada a apenas 16% dos locais de reprodução confirmados conhecidos e que as larvas são agora menos abundantes. Há também uma incidência elevada do fungo Batrachochytrium dendrobatidis nos restantes sítios.



Estes efeitos foram mais pronunciados em altitudes acima de 1200 m. Os resultados sugerem que um surto de quitridiomicose é responsável pelo rápido declínio do sapo-parteiro-comum na Serra da Estrela, e medidas urgentes de conservação são necessárias para evitar a extinção local desta espécie.

O resumo do artigo pode ser consultado aqui.

Fonte: Wildlife Extra; Naturlink

_________________
Portugal Natura

Mandrágora

Mensagens : 327
Data de inscrição : 20/03/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum